GUERRA DO PARAGUAI

Duque de Caxias

Patrono do Exército Brasileiro, Luís Alves de Lima e Silva, o então Marquês de Caxias comandou o Brasil na Guerra do Paraguai a partir de 1866 depois de algumas derrotas importantes sob o comando do argentino Bartolomeu Mitre. Com 63 anos, o senador vitalício pelo Partido Conservador foi chamado pelo gabinete do Partido Liberal pois era o único brasileiro capaz de liderar tamanha façanha. E sob incríveis dificuldades de clima, terreno, higiene e moral, conseguiu encerrar vitorioso o maior conflito bélico da História do Brasil.