CAÇANDO HITLER

Tim Kennedy

Tim Kennedy é um sargento de primeira classe do 7th Special Forces Group do exército norte-americano e ainda é integrante da tropa de elite das forças especiais. Devido ao seu trabalho direto no Oriente Médio depois do 11 de setembro, ele é essencial para essa investigação sobre a morte de Hitler. Ele e sua equipe trabalharam ativamente em campo rastreando os movimentos – e a posterior captura – dos líderes da al-Qaeda Abu Musab al Zarqawi e Osama Bin Laden, o que deu a ele uma visão interna do tipo de ação que alvos valiosos utilizam ao tentar fugir da captura.

Kennedy é, atualmente, integrante da “Special Forces Detachment Unit”, a qual reúne as maiores cabeças das forças especiais do exército, da marinha e da aeronáutica para criar uma equipe de inteligência e rastreamento incomparável. Em uma investigação de morte declarada e com tantos recursos à disposição, esse alto nível de especialistas militares é essencial para determinar as possíveis ações de um indivíduo.

Além de seu trabalho no Oriente Médio, a América do Sul foi outra área focada pelas forças especiais de Kennedy, e ele passou muitos meses em campo na Argentina. Ele também tem uma vasta experiência no uso da tecnologia, como radares de penetração no solo, para reunir informações durante o rastreamento de alvos. Dentre os vários prêmios de Kennedy, está a Bronze Star Medal do exército, que lhe foi concedida por sua coragem em zonas de batalha.