Hoje na história

07.set.1920

É criada no Rio de Janeiro a primeira universidade federal do Brasil

No dia 7 de setembro de 1920 era criada a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), também denominada Universidade do Brasil, considerada um dos centros brasileiros de excelência no ensino e na pesquisa. Ele foi criada pelo decreto nº 14.343 pelo então presidente Epitácio Pessoa. Em 2012, o QS World University Rankings classificou a UFRJ como a melhor universidade federal brasileira, bem como a terceira melhor universidade do país, ocupando a oitava posição entre as instituições da América Latina. A UFRJ oferece mais de 150 cursos de graduação e outros 580 de pós-graduação, além de sete museus e nove unidades hospitalares. A universidade está localizada, principalmente, na cidade do Rio de Janeiro, com atuação em 11 municípios. Responsável pela formação da elite intelectual brasileira, na UFRJ estudaram renomados ex-alunos como o arquiteto Oscar Niemeyer; os escritores Clarice Lispector, Jorge Amado e Vinicius de Moraes; e os médicos sanitaristas Carlos Chagas e Osvaldo Cruz. Apesar de sua criação em 1920, a história da instituição é bem mais antiga e confunde-se com o desenvolvimento cultural, econômico e social brasileiro. Nos primórdios, a UFRJ começou a partir da Escola Politécnica, que por sua vez teve origem na Real Academia de Artilharia, Fortificação e Desenho, de 1792, embora o ensino de engenharia militar já ocorresse desde 1699. A essas unidades iniciais foram somadas a outras como a Escola Nacional de Belas Artes e a Faculdade Nacional de Filosofia.

 


Imagem: S. A. Sisson (Parte do Album do Rio de Janeiro Moderno). Imagem publicada no Flickr por Barbara Ferreira. [Public domain or Public domain], via Wikimedia Commons