Hoje na história

23.nov.2012

Morre Nelson Prudêncio, um dos maiores nomes do atletismo da história do Brasil

No dia 23 de novembro de 2012, o Brasil perdeu um dos grandes nomes do atletismo do país com a morte de Nelson Prudêncio, medalha de prata no salto triplo nas Olimpíadas da Cidade do México (1968) e de bronze em Munique (1972). Ele morreu, aos 68 anos, vítima de câncer no pulmão, na Casa de Saúde de São Carlos (SP). O medalhista olímpico nasceu no dia 4 de abril de 1944, em Lins (SP). Prudêncio era professor Doutor no curso de Educação Física na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e também vice-presidente da Confederação Brasileira de Atletismo. Ele deixou dois filhos e esposa. Quando conquistou a prata na Cidade do México, Prudêncio participou de uma das maiores disputas da história do salto triplo. Ele, o soviético Viktor Saneyev e o italiano Giuseppe Gentile quebraram nove vezes o recorde mundial. A marca subiu de 17,03 para 17,37 metros, mas a maior foi a do soviético, que levou o ouro. Nelson Prudêncio alcançou 17,27 metros e teve o gostinho de ser dono do recorde mundial por alguns minutos.

 


Imagem: