Hoje na história

29.ago.1987

Música La Bamba atinge top das paradas quase 30 anos após morte de Ritchie Valens

Em 29 de agosto de 1987, quase 30 anos após a queda do avião que vitimou Ritchie Valens, sua música “La Bamba” atingiu o topo das paradas de sucesso e se tornou o hit #1 com interpretação da banda Los Lobos, originária da cidade natal de Valens, Los Angeles, na Califórnia. Valens, de apenas 17 anos, foi a mais jovem vítima do acidente aéreo que também matou Buddy Holly e JP "The Big Bopper" Richardson, em 3 de fevereiro de 1959, uma data que ficou conhecida como “o dia em que a música morreu".  

As três promissoras estrelas do rock podem ter partido desta para uma melhor, mas a força de sua música permaneceu forte entre os seus fãs. Richard Stevens Valenzuela adaptou "La Bamba", uma canção popular tradicional de Veracruz, no México, para o rock and roll. Sua música ficou na 22a. posição na parada pop da Billboard em janeiro de 1959. La Bamba tornou-se o maior sucesso de rock-and-roll em língua espanhola na história, embora o jovem que gravou o hit não falasse espanhol.

Este fato interessante sobre a vida de Valens só se tornou conhecido do grande público por conta do enorme sucesso do filme La Bamba, de Hollywood, que deu um novo impulso à obra do falecido músico e levou La Bamba ao posto #1 em 29 de agosto de 1987. A banda de rock alternativo de Los Angeles Los Lobos foi uma escolha natural para gravar a trilha sonora do filme La Bamba.

 


 

Música: La Bamba
Composição: Canção folclórica mexicana adaptada por Ritchie Valens
Álbum: Ritchie Valens

 
Para bailar La Bamba
Para bailar La Bamba
Se necessita una poca de gracia
Una poca de gracia
Para mi, para ti, ay arriba, ay arriba
Ay, arriba arriba
Por ti sere, por ti sere, por ti sere
 
Yo no soy marinero
Yo no soy marinero, soy capitan
Soy capitan, soy capitan
Bamba, bamba
Bamba, bamba
Bamba, bamba
 
Para bailar La Bamba
Para bailar La Bamba
Se necessita una poca de gracia
Una poca de gracia
Para mi, para ti, ay arriba, ay arriba
 
Para bailar La Bamba
Para bailar La Bamba
Se necessita una poca de gracia
Una poca de gracia
Para mi, para ti, ay arriba, ay arriba
Ay, arriba arriba
Por ti sere, por ti sere, por ti sere
 
Bamba, bamba
Bamba, bamba
Bamba, bamba