Hoje na história

31.jan.1937

Nasce o compositor americano Philip Glass

No dia 31 de janeiro de 1937 nascia, em Baltimore, o compositor norte-americano Philip Glass, considerado um dos mais influentes do final do século XX. Ele fez inúmeros trabalhos como óperas, sinfonias, concertos, trilhas sonoras para filmes e colaborou com outros músicos. Entre suas óperas está Satyagraha (1980), inspirada na vida de Mahatma Gandhi. Ele também compôs a ópera Itaipu (1989), em uma referência à usina brasileira, e escreveu Days and Nights in Rocinha (1997), após uma visita à favela, no Rio de Janeiro. Glass ainda trabalhou com o gripo mineiro Uakti, que interpretou sua composição "Águas da Amazônia - Sete ou oito peças para um balé". Entre suas trilhas sonoras, compôs para o filme Koyaanisqatsi (1982), Mishima (1985), Kundun (1997), O Show de Truman: O Show da Vida (1998) e As Horas (2002), em que foi indicado ao Oscar. Recentemente, produziu a trilha dos filmes O Ilusionista (2006) e Notas Sobre um Escândalo (2006), que também lhe redeu uma indicação ao Oscar.

 

 

Imagem: MITO SettembreMusica [CC BY 2.0], via Wikimedia Commons