Hoje na história

23.ago.1572

Ocorre a Matança da Noite de São Bartolomeu

O assassinato em massa de huguenotes (é o antigo nome outorgado aos protestantes franceses de doutrina calvinista durante as guerras de religião) que teve lugar em Paris em 24 de agosto de 1572, é conhecido como a matança da Noite de São Bartolomeu. Paris era, naquela época, uma cidade decididamente anti-huguenote: os católicos mais extremistas não aceitam de bom grado a presença dos protestantes. A mãe do rei , Catalina de Medici, tentou enfrentar a facção de huguenotes e por isso ordenou a morte de Gaspard de Coligny, dirigente huguenote e conselheiro de seu filho; mas o fracasso de sua conspiração levou a que outros destacados protestantes franceses exigissem uma investigação. Catalina convenceu Carlos IX a mandar matar todos os líderes huguenotes. Coligny se encontrava entre os primeiros caídos. O massacre se estendeu de Paris até as províncias, e provocou o recrudescimento das guerras de Religião. A matança de São Bartolomeu desencadeou uma quarta guerra religiosa.

 


Imagem: François Dubois [Domínio público], via Wikimedia Commons