Dia Internacional da Mulher

9 invenções de mulheres sem as quais a vida seria muito, muito difícil

Sabe o computador que você usa para ler este texto? Foi criado com a ajuda de uma mulher – aliás, de várias.  Caso você estiver lendo por um dispositivo sem fio, saiba que a tecnologia também foi desenvolvida por uma cientista (e atriz!). O filtro que permite fazer café quentinho todo dia? Também é fruto da invenção de uma mulher.

O mundo está cheio de mulheres brilhantes e pouco reconhecidas por suas conquistas. No mundo da ciência, muitas delas atravessam anos e anos de história na sombra.  Para evitar que isso aconteça, separamos algumas invenções de mulheres brilhantes sem as quais a nossa vida seria um pesadelo. Confira!

1 - Primeiro algoritmo de computador - Ada Lovelace (1833)

Ada criou o primeiro algoritmo procesado por uma máquina - ou seja, a gênese de toda a linguagem computacional que conhecemos hoje.

2 - Filtro de café - Amalie Melitta Bentz (1908)


Amalie foi a idealizadora do filtro de café tal qual conhecemos hoje - fruto da busca por uma bebida mais limpa e saborosa. 

3 - Linguagem de programação - Grace Murray Hopper (1961)

Em 1961, Grace criou o Cobol, uma linguagem universal que podia ser usada em todos os computadores da época.

 

4 - Fibra do colete à prova de balas - Stephanie Kwolek (1971)

Stephanie conseguiu desenvolver um material composto de fibras sintéticas super resistentes e maleáveis, o "Kevlar", que é usado também em barcos, aviões e pneus.

 

5 - Seringa - Letitia Mumford Geer (1899)

A enfermeira criou a seringa moderna ao desenvolver uma funcionalidade permitindo com que os medicamentos pudessem ser injetados com apenas uma das mãos. Desde então o equipamento facilita a vida dos profissionais de saúde.

 

6 - Vidro sem reflexo - Katharine Blodgett (1940)

Katharine ajudou a criar revestimentos antirrefletores para superfícies de vidro, decisivos para reduzir a distorção de luz no cinema.

 

7 - Chamada em espera e identificador de chamadas - Shirley Jackson (1973)

Primeira mulher negra a obter um doutorado em física mo Massachusetts Institute of Technology, Shirley foi responsável pela criação de funções muito úteis para a telefonia como a chamada em espera e o identificador de chamadas. Suas pesquisas também abriram caminho para o desenvolvimento do fax e dos cabos de fibra ótica.

8 - Para-brisas - Mary Anderson (1903)

Mary inventou o equipamento como ele existe hoje, com um braço mecânico acionado pelo lado de dentro do veículo.

9 - Conexão sem fio - Hedy Lamarr (1941)

Além de atriz talentosa, Hedy criou uma tecnologia para controlar torpedos à distância. Nascia aí a primeira conexão wi-fi.


Imagens: Domínio Público, via Wikimedia Commons