ERA DO GELO

Cabeça de lobo de 40 mil anos muito bem preservada é encontrada na Sibéria

Uma cabeça de lobo de 40 mil anos incrivelmente bem preservada foi encontrada na Sibéria. A parte do animal foi localizada por moradores da região russa de Yakutia nas margens de um rio. Devido ao congelamento, foram conservados tecidos, pelos, dentes, língua e o cérebro.

De acordo com Albert Protopopov, diretor da Academia de Ciências da República de Sakha, é a primeira vez que a cabeça de um lobo adulto da Era do Gelo foi encontrada com o tecido mole preservado. Anteriormente, apenas filhotes congelados haviam sido descobertos.

Agora, os cientistas estão trabalhando na criação de um modelo digital do cérebro para desenvolver estudos futuros. Uma equipe da Suécia também está analisando o DNA da criatura. O animal pertence a uma antiga subespécie de lobo que viveu na mesma época que os mamutes e foi extinta junto com eles. 

A cabeça do lobo mede 40 centímetros. Estima-se que o animal tivesse entre dois e quatro anos quando morreu. Esses lobos eram cerca de 25% maiores do que os de hoje em dia.

[VÍDEO RELACIONADO]


Fontes: CNN e CBS

Imagem: Albert Protopopov/Academia de Ciências da República de Sakha/Reprodução