GENÉTICA

Cientista afirma que Ozzy Osbourne é um mutante

Nunca faltou loucura na vida de Ozzy Osbourne. Os excessos do lendário ex-vocalista do Black Sabbath teriam matado qualquer pessoa normal, mas ele já passou dos 70 anos e continua na ativa. O segredo? De acordo com um cientista, o roqueiro é um mutante. 

No livro "Pleased to Meet Me: Genes, Germs and the Curious Forces that Make Us Who We Are" ("Prazer em me Conhecer: Genes, Germes e as Forças Curiosas Responsáveis por Quem Somos", em tradução livre), o biólogo Bill Sullivan diz que a resistência do músico vem de genes diferenciados. "Ozzy é geneticamente um mutante de fato", afirmou o cientista. 

O pesquisador chegou a essa conclusão após analisar um estudo do DNA de Ozzy feito em 2010 para descobrir como ele conseguiu viver tanto tempo apesar de seu uso abusivo de álcool e drogas. Sullivan diz que uma mutação genética faz com que o organismo do músico tenha uma tolerância maior a substâncias tóxicas. Ozzy seria basicamente um "X-Man" do rock.

Apesar dessa resistência toda, Ozzy (que afirma ter parado de usar drogas há anos) não é indestrutível. Recentemente, o cantor contraiu pneumonia após sofrer um acidente doméstico e teve que cancelar várias datas de sua turnê de despedida. Ninguém é de ferro.


Fonte: NME

Imagem: s_bukley/Shutterstock.com