CIENCIA

Cientistas descobrem como inserir conhecimento diretamente em nosso cérebro

Fazer o upload do conhecimento direto para o seu cérebro pode ser um sonho impossível para a maioria, mas não para pesquisadores da Califórnia. 

Um grupo de cientistas do Laboratório HRL estudou ondas cerebrais de um piloto de avião treinado, gravando cuidadosamente sua atividade cerebral. Em seguida, projetaram uma touca para estimular partes do cérebro que seriam usadas por pilotos principiantes em simuladores de voo. O grupo que usou a touca estimuladora avançou um terço mais rápido no treinamento do que o grupo de controle da pesquisa.

[O HISTORY AGORA ESTÁ NO SPOTIFY: CLIQUE AQUI E SIGA-NOS]

É de notar, porém, que o grupo que avançou treinou de forma consistente para obter os melhores resultados e continuar praticando no simulador para seguir com seus ganhos na aprendizagem. 

A pesquisa ainda está longe de indicar o dia em que conquistaremos o conhecimento sem esforço algum.

Isso, por enquanto, segue uma exclusividade de personagens do cinema, como o Neo, de Matrix, que aprendeu a lutar kung-fu apenas fazendo um upload da luta em seu cérebro.

Por enquanto, o dispositivo desenvolvido não afeta a memória, ele apenas estimula a construção de vias neurais, por isso é mais indicado para tarefas como aprender uma nova língua ou dirigir um carro. Ainda não se sabe como esses estímulos poderão afetar o cérebro e se o custo-benefício vale a pena, já que sabemos que nosso corpo apresenta limites físicos. 

Ainda assim, a pesquisa pode apontar para avanços fascinantes e pode apresentar aplicações para desenvolver determinados conjuntos de habilidades humanas. 

Confira no vídeo abaixo mais sobre o experimento (em inglês):


Fontes: UPROXX, The Telegraph, Laboratórios HRL

Imagem: Hidesy/Shutterstock.com