BIOTECNOLOGIA

Conheça o útero artificial que pode salvar milhares de bebês prematuros

Testes começarão a ser realizados em humanos daqui a dois anos! 

Vídeo relacionado:
Um estudo publicado na revista especializada Nature Communications, feito por pesquisadores do Children’s Hospital of Philadelfia, nos EUA, poderá aumentar consideravelmente as possibilidades de sobrevivência de bebês muito prematuros.

Os testes foram realizados com cordeiros prematuros, que continuaram se desenvolvendo dentro de bolsas ligadas a um fluxo constante de líquido amniótico artificial (à base de água e sais), enquanto seus cordões umbilicais estavam conectados a uma máquina especial, que lhes proporcionava o fluxo sanguíneo rico em nutrientes e o oxigênio necessários, em vez da placenta materna.

Os cientistas esperam dar início aos testes em humanos em dois anos. Atualmente, a probabilidade de sobrevivência de um bebê com menos de 23 semanas é próxima de zero. A partir das 23 semanas, suas possibilidades aumentam em 15%; após 24 semanas, em 55%; e depois de 25 semanas, chegam a 80%.


Fonte: BBC

Imagem: BBC/Vídeo/Reprodução