Ta Na História

Nazistas estiveram no Amapá e queriam invadir as Guianas

Por Thiago Gomide do Tá na História.

Parceria HISTORY e Ta Na História

Que os nazistas se interessavam pela América Latina, isso ninguém tem dúvida. Não é novidade.

O Brasil era e é um lugar estratégico. Tivemos espiões alemães em Santos, São Paulo, Rio de Janeiro(...)

Tivemos uma negociação de Getúlio Vargas com a Alemanha.

O Gois Monteiro, um dos generais mais poderosos de Vargas, foi ter aulas de estratégia de guerra na Alemanha.

Mesmo depois da Segunda Guerra, vários nazistas vieram para cá. Morreram ou foram capturados aqui.

O Tá na História e o History já contaram a biografia de vários desses cidadãos. Agora, tem um fato no Amapá que intriga até hoje.

Há poucas informações e muitas especulações. Além de fotos e filmes, a prova dessa caminhada nazista é uma sepultura com símbolos conhecidos.

Na cruz é possível ler a seguinte frase: “Joseph Greiner morreu aqui de febre em 2 de janeiro de 1936 a serviço da pesquisa alemã”.

Quem foi Joseph Greiner? Quais eram os objetivos daquela pesquisa? Que filmes foram feitos sobre essa expedição? Por que o plano Guiana não foi à frente?

As respostas dessas e de outras questões estão no vídeo. Aperta o play e não deixe de se inscrever.


THIAGO GOMIDE é jornalista e pesquisador. Foi apresentador e editor do Canal Futura e da MultiRio, ambos dedicados à educação. Escreveu e dirigiu o documentário "O Acre em uma mesa de negociação". Além de ser o responsável pelo conteúdo do Tá na História, atualmente edita e apresenta o programa A Rede, na Rádio Roquette Pinto ( 94,1 FM - RJ). 

A proposta do Tá na História é oferecer conteúdos que promovam conhecimento sobre personagens e fatos históricos, principalmente do Brasil. Tudo isso, claro, com bom humor e muita curiosidade.