josé rico

"Nesta longa estrada da vida....": chega o adeus do ícone sertanejo José Rico, parceiro de Milionário

Um dos ícones da música sertaneja, José Rico, da consagrada dupla com Millionário, nos deixou nesta terça-feira, aos 68 anos. Ele morreu vítima de uma parada cardíaca, na cidade de Americana (SP). O músico estava internado desde ontem, no hospital Unimed, da cidade. A morte foi confirmada no página oficial da dupla no Facebook.

Nascido em São José do Belmonte (PE), no dia 20 de junho de 1946, José Alves dos Santos, que mais tarde seria conhecido pelo nome de José Rico, conheceu seu parceiro Romeu Januário de Matos, o Milionário, em São Paulo, e a dupla foi formada no início dos anos 70.

As origens do apelido são incertas, mas há a probabilidade de que tenha sido chamado de José Rico por um padre, durante a infância, ou que seu nome tenha sido uma tradução literal do nome do músico norte-americano Johnny Cash.

A trajetória da dupla, apelidada de gargantas de ouro, se confundiria com a história da música sertaneja no Brasil. Entre os seus maiores clássicos estão "Estrada da vida", "Amor dividido" e "O tropeiro".  Milionário e José Rico venderam cerca de 35 milhões de discos até hoje. Gravaram 29 álbuns juntos.

No ano passado, o músico concorreu a uma vaga para deputado federal em Goiás, pelo PMDB, mas não foi eleito. Ele deixa esposa e dois filhos gêmeos.

 

Fonte:

G1

Terra