ESPAÇO

Nova imagem mostra o cometa interestelar que se aproxima da Terra

Astrônomos da Universidade de Yale, nos Estados Unidos, conseguiram capturar uma imagem do cometa interestelar 2I/Borisov, descoberto em agosto passado. Trata-se do primeiro cometa interestelar registrado na história da ciência. Apenas um outro objeto interestelar foi identificado até hoje, o misterioso Oumuamua.

Segundo os cálculos astronômicos, sua trajetória alcançará o ponto mais próximo do Sol durante os primeiros dias de dezembro, e ele estará mais próximo que nunca da Terra no final do mesmo mês. Depois, continuará sua viagem aos confins do Sistema Solar. 

Por meio de uma ilustração, os astrônomos demonstraram o gigantesco tamanho do cometa interestelar em relação à Terra. Sua cauda mede aproximadamente 160 mil quilômetros, ou seja, é mais de 12 vezes maior que a longitude média do diâmetro terrestre.  


Fonte:  El País

Imagens: Pieter van Dokkum, Cheng-Han Hsieh, Shany Danieli, Gregory Laughlin/Universidade de Yale/Reprodução