CURIOSIDADES

O mistério do povoado onde só nascem meninas

Em um pequeno povoado da Polônia, chamado Miejsce Odrzańskie, não nasceu nenhum menino nos últimos 10 anos. O prefeito da cidade até mesmo ofereceu uma recompensa a quem consiga conceber um menino. Moradores mais antigos estão preocupados, pois a agricultura, principal atividade econômica do povoado, requer um esforço físico pesado. Com a falta de mão de obra masculina, muitas garotas já trabalham em fazendas locais.

Os habitantes do local acreditam que a falta de nascimentos de meninos trate-se somente de uma simples coincidência, relacionada com a significativa redução da população após a Segunda Guerra Mundial. O povoado possuía 1200 habitantes logo após o conflito, mas hoje tem apenas 272. Na última década, só houve 12 nascimentos na localidade e todas essas crianças são meninas.

"Da minha parte, decidi recompensar os pais do primeiro menino que nascer. Não vou revelar exatamente o que eles irão ganhar, mas garanto que o presente será atraente", disse o prefeito Rajmund Frischko. Ele sugere ainda que pode dar o nome de uma rua à primeira criança do sexo masculino nascida na cidade ou plantar um carvalho e batizá-lo em homenagem ao menino.

Os cientistas investigam as possíveis causas por trás dessa anomalia demográfica na província polonesa. Por sua vez, autoridades da região estão sugerindo métodos criativos e bem-humorados para gerar meninos de maneira natural, como dietas ricas em cálcio ou a colocação de um machado debaixo do leito conjugal no momento da concepção, prática que remonta às tradições da região.

Além dos trabalhos nas fazendas, as garotas da cidade estão monopolizando atividades que antes eram dominadas pelos homens. A brigada voluntária de incêndio, por exemplo, é formada  exclusivamente por jovens do sexo feminino.

 


Fonte: New York Times

Imagem: Shutterstock.com