meio ambiente

Por que a Austrália irá abater dez mil camelos selvagens?

O governo da Austrália está se preparando para abater cerca de 10 mil camelos selvagens. Os animais serão mortos por atiradores a bordo de helicópteros que sobrevoarão a região onde vivem esses animais. Mas qual o motivo dessa medida extrema?

O extermínio acontecerá no estado da Austrália do Sul. Assim como o restante do país, a região enfrenta secas e uma grave onda de calor. Em busca de água, os camelos selvagens têm invadido áreas urbanas e regiões habitadas por aborígenes. "Eles estão vagando pelas ruas à procura de água. Estamos preocupados com a segurança das crianças pequenas", disse Marita Baker, que vive na comunidade de Kanypi.

Atualmente, existem cerca de 1 milhão de camelos selvagens na Austrália. Vindos da Índia e do Afeganistão, os animais foram introduzidos no país no século XIX. Graças ao clima árido, eles se adaptaram tanto que hoje são considerados pragas selvagens. O abate ocorre para equilibrar a população de animais e impedir que eles degradem ambientes nativos e marcos culturais. Estima-se que se não houver controle a população de camelos irá dobrar a cada 8 ou 10 anos. 

Com a seca, os camelos acabam buscando água nas cidades. Como esses animais podem farejar água a até 5 km de distância, eles são atraídos por qualquer fonte, como torneiras, tanques e até aparelhos de ar condicionado. O calor e a seca também estão entre as causas dos grande incêndios que atingem a Austrália nos últimos meses, colocando diversas espécies em risco de extinção.


Fontes: BBC e IFLScience

Imagem: Shutterstock.com