EGITO

Reabertura de sarcófago revela cabelos loiros da bisavó de Tutancâmon

A bisavó do faraó Tutancâmon era uma nobre chamada Tjuyu. Ela morreu por volta do ano de 1375 a.C. e sua tumba só foi descoberta em 1905. Desde então, raras vezes seu sarcófago foi aberto. 

Os restos mortais de Tjuyu estão preservados no Museu do Cairo, no Egito. Agora, uma equipe de TV britânica registrou imagens da reabertura do sarcófago. Surpreendentemente, a múmia apresentava cabelos loiros muito bem preservados.

Mas o que explica a coloração aloirada de suas madeixas? Tradicionalmente, antigos egípcios eram retratados com cabelos escuros. De acordo com a egiptologista Salima Ikram, as aparências podem enganar.

Em primeiro lugar, a especialista diz que não há como ter 100% de certeza de que se trata do cabelo original de Tjuyu. Mesmo que as mechas sejam mesmo dela, elas podem ter sido clareadas por natrão, composto de sódio usado para mumificação. Outras partes da múmia também estavam bem preservadas, como seus pés, que ainda calçavam sandálias. 


Fonte: Daily Star

Imagem: Channel 5/Reprodução