MEDICINA

Temos o coração amargo? Cientistas da Austrália descobrem que sim

Uma equipe de cientistas da Universidade de Queensland, na Austrália, descobriu que nos tecidos do coração podem existir papilas gustativas parecidas com as que estão localizadas na boca e no nariz dos humanos. Eles chegaram a essa revelação depois de demonstrar que, durante a introdução de uma substância amarga nesse órgão, sua função contrátil é quase totalmente suprimida.

Posteriormente, essa façanha permitiu que eles encontrassem aproximadamente 12 receptores do sabor amargo no tecido cardíaco; ou seja, os pesquisadores descobriram que no coração humano estão praticamente 50% de todas as papilas gustativas amargas conhecidas pela ciência, que são 25 no total. Agora, os cientistas estão tentando saber o porquê disso, já que, segundo eles, a resposta poderia influenciar no tratamento de doenças cardíacas.

Fonte: Daily Mail 

Imagem: Syda Productions - Shutterstock.com