Hoje na história

23.mar.1973

Lançado o álbum The Dark Side of the Moon, do Pink Floyd

Considerado um dos mais importantes álbuns do rock, The Dark Side of the Moon, do grupo britânico Pink Floyd, era lançado no Reino Unido no dia 23 de março de 1973. O trabalho, o oitavo disco de sua carreira, foi um sucesso imediato de crítica e de público. O disco marca ainda uma nova fase da banda, com letras intimistas e o emprego de efeitos sonoros complexos para a época. O uso de múltiplos relógios tocando ao mesmo tempo em "Time" e de caixas registradoras na clássica "Money" são dois exemplos da criatividade dos músicos.

A banda, composta por Roger Waters (baixo e vocal), David Gilmour (guitarra e vocal), Richard Wright (teclado e vocal) e Nick Mason (bateria) gravou o álbum entre maio de 1972 e janeiro de 1973. Alan Parsons foi o  engenheiro de som. O disco formava uma peça contínua de música. As cinco faixas de cada lado do vinil refletem vários estágios da vida humana, começando e terminando com um batimento cardíaco, explorando a natureza da experiência humana.

No álbum há referências à cobiça, doença mental e envelhecimento, inspirados pela saída de Syd Barrett, que deixou o grupo em 1968 devido a problemas psiquiátricos. O disco ajudou o Pink Floyd a conquistar fama internacional, trazendo riqueza e reconhecimento musical para todos os seus quatro membros.

A emblemática capa, com um prisma atingido por um feixe de luz transformado em arco-íris, marcou gerações de fãs. The Dark Side Of The Moon apareceu na parada dos discos mais vendidos da revista Billboard por 900 semanas. Ao todo, foram vendidas mais de 45 milhões de cópias em todo o mundo.


Imagem: Storm Thorgerson/George Hardy (Hipgnosis), via Wikimedia Commons