Hoje na história

28.nov.1943

Líderes dos EUA, URSS e Reino Unido se reúnem na Conferência de Teerã

O dia 28 de Novembro de 1943 marcou o início da Conferência de Teerã, o primeiro dos acordos firmados entre as superpotências durante a Segunda Guerra Mundial. O encontro reuniu pela primeira vez os três grandes líderes do mundo da época: Josef Stalin, da União Soviética, Winston Churchill, do Reino Unido, e Franklin Delano Roosevelt, dos Estados Unidos. A reunião, que durou até do dia 1º de dezembro daquele ano, aconteceu na embaixada da URSS em Teerã, no Irã. 

Embora os três líderes tenham chegado com objetivos diferentes, o principal resultado da Conferência de Teerã foi o compromisso dos Aliados Ocidentais de abrir uma segunda frente contra a Alemanha nazista. A conferência também abordou as relações dos "Três Grandes Aliados" com a Turquia e o Irã, as operações na Iugoslávia e estratégias contra o Japão. Um protocolo assinado separadamente tratava do comprometimento com o reconhecimento da independência do Irã.

O futuro da Alemanha em um possível pós-guerra foi outro dos assuntos abordados. Os participantes compartilhavam a opinião de que o país precisaria ser dividido após o fim do conflito, com os lados divergindo sobre as melhores estratégias para neutralizar a capacidade alemã de provocar outra guerra. 

A Conferência de Teerã também serviu de palco para as primeiras conversas em torno da formação das Nações Unidas. Roosevelt apresentou a Stalin a ideia de uma organização internacional que compreendesse todos os estados-nação, uma entidade cujo objetivo seria resolver problemas comuns e coibir agressores internacionais. Os três líderes mundiais concordaram que algo deveria ser feito para evitar uma nova guerra mundial.


Imagem: US Army, via Wikimedia Commons